Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008

Gentlemen, you can't fight in here! This is the War Room!

 

Recentemente tomei a resolução de começar a ver os grandes filmes clássicos que vergonhosamente me faltam.
Dr. Strangelove or: How I Learned to Stop Worrying and Love the Bomb é uma das maiores obras do mestre Stanley Kubrick. Uma comédia negra genial sobre a Guerra Fria onde Kubrick demostra toda a sua singularidade, e onde Peter Sellers desempenha três papéis inesquecíveis, especialmente o do surreal Dr. Strangelove, o conselheiro científico do presidente Americano e antigo especialista em física do regime Nazi. Com a duração de apenas uma hora e meia, o filme tem uma fluidez e um ritmo incríveis, muito devido à qualidade e ironia dos diálogos.

tags:

publicado por André às 23:18
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2008

Achados



Hoje andava a passear pelo shopping, mais especificamente pelo Jumbo, e deparei-me com uma secção de CDs e DVDs musicais a preços altamente baixos. O mais interessante nisto tudo é que no meio de álbuns do Craig David ou mesmo do Michael Bublé, encontrei vários álbuns dos Coldplay e dos The Smiths, e foi impossível resistir a este The Queen is Dead, que vale tão mais que 7€.
tags:

publicado por Ângela às 15:46
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2008

Pergunto:



É suposto ir assaltar um banco, certo?
tags: ,

publicado por Ângela às 12:15
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Sábado, 23 de Fevereiro de 2008

Os nossos vencedores

 

Esta semana, em substituição das dicas, resolvemos fazer uma antevisão dos Oscars. Para as categorias principais aqui vão os nossos vencedores, baseados nos filmes que vimos.

 

 

 

André

 

Ângela

 

Melhor Actor Secundário

Javier Bardem (No Country For Old Men)

Javier Bardem (No Country For Old Men)

 

 

Melhor Actriz Secundária

Cate Blanchett (I'm Not There)

Cate Blanchett (I'm Not There)

 

 

Melhor Actor Principal

Daniel Day-Lewis (There Will Be Blood)

Daniel Day-Lewis (There Will Be Blood)

 

 

Melhor Actriz Principal

Marion Cotillard (La Môme)

Julie Christie (Away From Her)

 

 

Melhor Realizador

Ethan e Joel Coen (No Country For Old Men)

Paul Thomas Anderson (There Will Be Blood)

 

 

Melhor Filme

 


publicado por André às 18:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008

Desilusão Saborosa



My Blueberry Nights (Wong Kar-Wai, 2007) conta-nos a história de Elizabeth (Norah Jones) que conhece Jeremy (Jude Law) num momento de fragilidade. Tornam-se amigos, e Elizabeth decide viajar pelos EUA na tentativa de perceber o que realmente precisa para ser feliz. Nunca deixando, no entanto, de escrever a Jeremy, contando todos os acontecimentos. Durante a viagem, conhece pessoas com problemas bastante mais complicados que os dela, e decide, finalmente, regressar.

A relação entre Elizabeth e Jeremy é sempre acompanhada com músicas da autoria de Cat Power (que também aparece no filme) ou mesmo de Norah Jones, tornando tudo bem mais envolvente. Ainda assim, esta relação podia ser bem mais explorada, e de forma mais apaixonada, sinto que existe um esforço bem maior da parte de Jude Law em fazê-lo. Não quero de qualquer maneira desvalorizar a prestação da caloira Jones, que se mostra bastante certinha, o que de certa forma me surpreendeu.

Com um elenco bastante bom, de realçar a presença de Natalie Portman e Rachel Weisz, esperava mais deste filme que abriu o festival de Cannes de 2007.


publicado por Ângela às 21:10
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 21 de Fevereiro de 2008

O outro lado da animação

 

Persepolis é a prova que não são precisos os melhores e mais recentes efeitos 3D ou o nível de detalhe mais incrível para se fazer um grande filme de animação. Pelo contrário, o tipo de animação mais arcaica usada no filme devolveu-me o fascínio e a nostalgia que já não sentia desde Les Triplettes de Belleville, curiosamente também uma produção francesa.

Não é que despreze as apostas dos últimos anos de estúdios como a Pixar ou a Dreamworks. Sou até grande fã de Monsters Inc. ou Ratatouille. Mas Persepolis é de outro campeonato.

A isto não é alheia a história, muito polémica, que retrata a vida num Irão mergulhado na ditadura fundamentalista Islâmica e em guerra com o Iraque nos anos 80, vista pelos olhos da pequena Marjane Satrapi.

Uma história real, baseada numa banda desenhada escrita pela própria Satrapi, que hoje vive e trabalha em Paris. Um excelente filme que é agora o meu favorito ao galardão da Academia.

tags: ,

publicado por André às 01:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

Simplicidade cativante

 

Lars and the Real Girl foi a melhor comédia romântica que vi do ano passado. A história de Lars Lindstrom, um jovem com problemas psicológicos que inicia uma relação com Bianca, uma boneca comprada na Internet. A conselho da psicóloga, a sua família e a pequena comunidade católica onde vivem alinham naquela estranha situação e tratam Bianca como se fosse uma pessoa normal.

O filme tem como grandes trunfos o facto de não alinhar em pretensiosismos e a sua simplicidade que nos deixa desenvolver grande simpatia por Lars e toda a situação. E o final deixa-nos com um grande sorriso.

Ryan Gosling prova mais uma vez que é um dos melhores actores da sua geração e que tem sabido gerir a sua carreira com brilhantismo, mas quem me chamou à atenção foi Kelli Garner. A sua presença no ecrã é cativante. Espero ouvir falar mais dela em breve.

tags: ,

publicado por André às 02:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008

!!!

Diz-se por aí que Maio vai ser o verdadeiro mês:




publicado por Ângela às 14:45
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Injustiças



Já muita coisa foi dita sobre There Will Be Blood. E confirma-se. É um grande filme, com um grande grande Daniel Day-Lewis. Mas o que eu queria perceber é como é que o Paul Dano, que na minha opinião devia ganhar já o Óscar de melhor actor secundário, não merece sequer a respectiva nomeação. Alguém percebe isso?
tags: ,

publicado por Ângela às 13:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008

O lado selvagem

 

No invulgar papel de realizador, Sean Penn presenteia-nos com o magnífico Into The Wild. Baseado na história real de Christopher McCandless, um jovem americano de vinte e três anos, que após concluir os seus estudos universítários, decide doar o resto da sua bolsa de pós-graduação a uma instituição de solidariedade e sair de casa para uma aventura pelo país profundo e selvagem, sozinho, em busca da sua identidade. Objectivo final, o Alasca.

Nessa viagem, Christopher conhece diversas pessoas que o ajudam no seu processo de crescimento e maturação, e acaba por entrar na vida dessas pessoas também.

A história é contada de uma maneira muito simples, até desarmante, e permite-nos acompanhar todo o percurso de Christopher, assim como da sua família, desesperada por nunca ter notícias suas.

A fotografia é fabulosa, e a banda sonora de Eddie Vedder, que já tinha ouvido há meses atrás e não me tinha despertado muita atenção, cria uma simbiose perfeita com o filme. É até um crime não estar nomeada pela Academia, nem a banda sonora nem nenhuma canção original.

Grandes expectativas agora para a carreira de Penn na realização. Espero que siga o mesmo caminho da representação. E este foi um grande passo em frente.

tags: ,

publicado por André às 15:29
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Domingo, 17 de Fevereiro de 2008

Dicas da Semana #7

Ornatos Violeta – O Monstro Precisa de Amigos (1999)



O último álbum da mítica banda portuense, onde é revelado todo o génio criativo de Manel Cruz em letras fabulosas como Chaga, Dia Mau, Capitão Romance ou Coisas, embrulhadas em sonoridades rock com influências funk.
Um álbum que demonstra todo o potencial que os Ornatos Violeta tinham, e que infelizmente não veremos mais...

Artistas semelhantes: Pluto, Linda Martini


Diarios de Motocicleta – Diários de Motocicleta (2004)



De: Walter Salles

Com: Gael Garcia Bernal, Rodrigo De la Serna


Dois amigos decidem fazer uma viagem para conhecer a América Latina. O objectivo era percorrer oito mil quilómetros em quatro meses, ao volante da moto La Poderosa, saindo de Buenos Aires, na Argentina, até à Venezuela passando pelo Chile e pelo Peru. Viagem, que para além de mostrar os problemas de toda aquela zona, e as suas magníficas paisagens, vais mais além e torna-se numa viagem de descoberta pessoal, para os dois amigos, e de certa forma para nós espectadores.


publicado por Ângela às 22:01
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito

Sem «!»

Pretty.Odd, terceiro álbum dos Panic at the Disco, será lançado lá para finais de Março. O single Nine in the Afternoon, pode ser visto aqui:

tags: ,

publicado por Ângela às 00:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 15 de Fevereiro de 2008

Filmes que mudaram a minha vida #3



Pulp Fiction, 1994

Um dos melhores filmes de sempre. Incrivelmente violento, mas com momentos de comédia deliciosos, Quentin Tarantino mostra aqui toda a sua genialidade.
A cena em que Vincent Vega (John Travolta) dança o twist com Mia Wallace (Uma Thurman) é ainda hoje uma das que melhor recordo na história do cinema.
tags:

publicado por André às 16:00
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2008

Assim vale a pena

 

Os norte-americanos The Mars Volta são hoje em dia uma das bandas mais criativas, inovadoras e de melhor qualidade do panorama musical. Caracterizam-se por um rock progressivo com diversas influências, que vão desde o post-hardcore à musica latina. É uma música tão densa e complexa que eu esperei cerca de duas semanas para escrever sobre o seu novo álbum, The Bedlam in Goliath, para conseguir absorver todas as suas características.

Com um início extremamente agressivo, The Bedlam In Goliath é uma obra épica de 75 minutos que vai suavizando à medida que vai avançando no tempo, mas mantendo sempre um ritmo que nunca nos deixa indiferente. A cada audição é possível encontrar novos sons, novos pormenores e novas sensações.

Depois de uma certa desilusão com Amputechture de 2006, este é um regresso em grande da banda de Los Angeles. Arrisco-me a dizer que este é o seu melhor álbum.


publicado por André às 21:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 10 de Fevereiro de 2008

Dicas da Semana #6 - Especial S. Valentim

Esta semana decidimos fazer uma dica temática. Para todos os apaixonados que queiram passar um bom bocado na companhia da cara-metade no dia de S. Valentim, eis as nossas sugestões...

 

Air – Moon Safari (1998)

 


O LP de estreia da dupla electrónica francesa. Moon Safari é um álbum que mistura várias influências e que nos transporta para um ambiente extremamente sensual e relaxante.

Ideal para ouvir a dois, à luz das velas, e namorar ;)


Artistas semelhantes: Zero 7, Massive Attack, Portishead

 

 

Eternal Sunshine of the Spotless Mind – O Despertar da Mente (2004)

 


De: Michel Gondry

Com: Jim Carrey, Kate Winslet, Elijah Wood, Mark Ruffalo, Kirsten Dunst


Não sendo um típico filme romântico, é para mim um dos filmes mais fortes no que toca à temática do amor. Mostra-nos que um grande amor é impossível de ser apagado, não importa o que façamos para tal.

Jim Carrey num dos poucos papéis fora do registo cómico, e quanto a mim, no seu melhor, e Kate Winslet, sempre bem, formam um dos casais mais invulgares e característicos do cinema.


publicado por André às 22:47
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quem manda aqui


ver perfil

. 9 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Fresquinho fresquinho

Relações

Para ver em Abril

Preferências

Boas Festas

Música em 2009

2009 no Last.fm

Uma luz

Lista de prendas

The Past is a Grotesque A...

Novos vícios - 6

Sweet Dee has a difficult...

Boas notícias via Twitter

Cartões

Rádio

The Past is a Grotesque A...

Pesquisar

 

Links

O que vi...

tokyo monogatari

O que ouvi...

Feeds