Sábado, 7 de Fevereiro de 2009

Those of us in OZ are actually the normal ones

 

Uma coisa que sempre gostei em OZ foi a naturalidade, originalidade e realismo com que é feita a transmissão dos acontecimentos. Um dos pontos altos acontece no episódio sete (A Town Without Pity) da quarta época, quando o (grande) senhor Zeljko Ivanek é alvejado. O build-up foi quase inexistente (ou, chamemos-lhe eficazmente escondido), levando-nos a esquecer quase por completo aquela parte da história. O que fez com que o momento fosse inesperado e encaixasse perfeitamente, deixando-nos com um sabor a ironia e uma certa satisfação pelo final ser abordado de forma tão simples e eficaz.

tags:

publicado por Ângela às 13:09
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Rita a 9 de Fevereiro de 2009 às 21:56
uma das minhas séries preferidas de sempre.


De Refugee a 14 de Fevereiro de 2009 às 12:48
O'Reilly deixa o gás do fogão aberto, enquanto previne Padraig de rebentar uma bomba que não funciona. É uma ironia supreendente. Sem dúvida, a par d' A Escuta, a minha série preferida.


De Ângela a 14 de Fevereiro de 2009 às 13:04
Se eu ainda não tivesse acabado a época e lesse isto, ia ficar muito chateada =)
Mas sim, é um final alucinante.
The Wire, bem, não gostei dos primeiros 2 episódios, desisti.


Comentar post

Quem manda aqui

Fresquinho fresquinho

Relações

Para ver em Abril

Preferências

Boas Festas

Música em 2009

2009 no Last.fm

Uma luz

Lista de prendas

The Past is a Grotesque A...

Novos vícios - 6

Sweet Dee has a difficult...

Boas notícias via Twitter

Cartões

Rádio

The Past is a Grotesque A...

Velharias

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Pesquisar

 

Links

O que vi...

tokyo monogatari

O que ouvi...

Feeds